domingo, 1 de maio de 2016

No Último Dia de Vida, Ayrton Senna Estava Ansioso Para Encontrar Adriane Galisteu

Há 22 anos, em um mesmo domingo como este, a querida Adriane Galisteu e o mundo perdiam o inesquecível Ayrton Senna. 


Essas foram as últimas palavras de Ayrton para seu grande amor Adriane: 

"Tenho muito a lhe dizer, a lhe propor, a lhe oferece. Devo estar aí às 20h30, por aí. Quero passar a noite em claro. Vamos conversar até o amanhecer. Quero convence-la de que sou, disparado, o melhor homem de sua vida". 

Ayrton estava ansioso para encontrar Adriane após a corrida de Ímola e a dizia pelo telefone:

"Não vejo a hora de você chegar aqui".

O biógrafo de Ayrton, Malcolm Foley, afirmou no livro 'Senna Versus Prost' que o piloto realmente estava muito ansioso para estar junto a Adriane: 

"Senna mal podia esperar para estar junto de Adriane em Portugal". 

Essa imagem acima representa amor e proteção, e Ayrton continua protegendo sua doce amada de onde estiver. 

22 anos de Saudade!



Ayrton Senna no cockpit de sua Williams FW16, minutos antes da largada pra o Grande Prêmio de San Marino. O campeão queria que tudo terminasse logo, para ir direito ao encontro de sua amada Adriane.



FONTES PESQUISADAS

GALISTEU, Adriane. Caminho das Borboletas. Edição 1. São Paulo: Editora Caras S.A., novembro de 1994. 

FOLLEY, Malcolm. Senna versus Prost - The Story Of The Most Deadly Rivalry in Formula One. London: Random House Uk, 2010.


Nenhum comentário:

Postar um comentário