segunda-feira, 21 de maio de 2018

Senna Pensou em Não Correr, Diz Namorada

São Paulo, terça-feira, 3 de maio de 1994

JAIR RATTNER 

DE LISBOA, ESPECIAL PARA A FOLHA


Adriane, namorada de Senna, chora com amiga na casa onde se hospedou em Portugal

Depois do acidente que matou o piloto Roland Ratzenberger, Ayrton Senna disse à sua namorada, Adriane Galisteu, que não queria correr em Ímola.

"Eu falei com ele pelo telefone. Perguntei se estava tudo bem e ele disse que não estava nada bem, que não ia mais correr, que estava muito impressionado", conta Adriane.

À noite do mesmo dia, Senna já estava mais calmo. "Falei com ele de novo e ele me disse para não me preocupar. Disse: `Não se esqueça de uma coisa, eu sou forte, muito forte'."

Adriane contou isso numa entrevista coletiva realizada em Sintra, a 20 quilômetros de Lisboa.

Ele afirmou que Senna não sofreu nenhuma pressão da equipe para correr. "Ele queria correr com o carro. Ele só conseguia fazer a pole, mas não conseguia correr com ele."

Adriane assistiu à corrida numa casa do seu namorado que fica em Algarve, sul de Portugal. "Fiquei apavorada na hora que vi o acidente. Aquele minuto e meio até ele ser atendido foram horas", comentou.

Bastante emocionada, avaliou: "Foi uma tremenda perda para mim, para o esporte e o mundo".
A primeira reação de Adriane foi pegar um avião e ir para a Itália. Quando o avião estava para decolar, recebeu a notícia da morte de Senna.

Ontem, ele ainda não tinha se recuperado do choque. "Eu ainda não acordei."

Com 21 anos feitos há duas semanas, ela namorava o piloto havia pouco mais de um ano. Conheceu Senna na festa da vitória do GP do Brasil do ano passado.

Adriane vem amanhã ao Brasil. "Pretendo chegar ao Brasil junto com ele. Vou tentar chegar o mais em cima da hora possível e voltar o mais rápido que der", para evitar o assédio.

Pretende ficar em Portugal até decidir o que fazer. "Vai sair uma capa minha numa revista, mas nem tenho vontade de ver as fotos."

Nesta semana, os dois deveriam se encontrar na Inglaterra, onde Senna faria testes com vistas ao GP de Mônaco. 





FONTE PESQUISADA

RATTNER, Jair. Senna pensou em não correr, diz namorada. Disponível em: <http://www1.folha.uol.com.br/fsp/1994/5/03/esporte/4.html>. Acesso em: 21 de maio 2018.

Nenhum comentário:

Postar um comentário